Entre sem se perder...

sábado, 29 de novembro de 2008



Não me julgue pela capa...
Tente ler ao menos o final do primeiro capítulo.

A vingança é o veneno que atinge mais quem manipula
do que quem deveria ingerir.

sábado, 22 de novembro de 2008

domingo, 9 de novembro de 2008

Desgraçado poema...


Esperei que chegasse o dia mais triste.
Esperei que fosse nublado.
Esperei que chovesse
que trovejasse.
Esperei a noite
do dia mais sinistro do ano...
Para escrever este poema
aguardei que desse meia-noite.
Procurei a sepultura mais monumental
mais imponente
do cemitério mais tétrico.
Queria falar sobre vampiros
sobre magros vampiros famintos.
Cheguei a escrever com sangue o poema
e lhe emprestei um tom mais macabro.
Mas meu poema
teima parecer só engraçado.

Infelizmente
somos capazes de desaprender
aquilo que já nos propusemos a ensinar!

terça-feira, 4 de novembro de 2008


Confira a comunidade criada recentemente no ORKUT:
Silvia Mara sem páginas.
Para tanto acesse:
Participe você também, fazendo parte do grupo de leitores deste blog!

domingo, 2 de novembro de 2008



(...) se existisse outra forma de você me ouvir...
haveria tantas outras maneiras de eu dizer.